Artrose: o que é, sintomas e como tratar?

A artrose é a doença articular degenerativa considerada mais comum na população

É muito provável que você já tenha ouvido falar em artrose, afinal, esta é a doença articular degenerativa mais comum na população1. Mas você sabe o que é a artrose?



A osteoartrite, nome técnico da condição conhecida popularmente como artrose, é uma doença articular que normalmente atinge pessoas acima de 50 anos e provocando inflamações nas juntas e, posteriormente, seu desgaste, o que leva a dores nas articulações acometidas2.



No entanto, ela não é considerada uma condição provocada única e exclusivamente pelo envelhecimento, isso porque pode ter outras causas. Além disso, é importante saber que não são todas as pessoas acima dos 50 anos que terão artrose, mas sabe-se hoje que as mulheres são as mais afetadas2.



Apesar da artrose se manifestar com frequência nos joelhos e quadris, há outros tipos. Ela pode acometer as mãos, quando se manifesta nas juntas dos dedos, e ainda pode afetar a coluna. Os chamados “bicos-de-papagaio” são, na verdade, artrose, que também podem se manifestar na região do pescoço e da lombar.



O que causa artrose?



Para entender o que causa artrose é preciso compreender que os ossos - ou grande parte deles - são revestidos por um tecido específico, a cartilagem. Essa cartilagem não carrega terminações nervosas, tampouco vasos sanguíneos, portanto não provoca dor. Porém, é ela que promove o amortecimento de impactos que acontecem com a movimentação do corpo2.



Quando há artrose em curso, porém, essa cartilagem sofre uma redução e é até mesmo destruída, o que leva à um aumento da pressão aos ossos que antes eram revestidos por esse material. Com isso, eles ficam desprotegidos e também acabam se desgastando. Além disso, é importante saber também que a artrose não provoca somente danos aos ossos, mas também aos ligamentos, músculos e tendões que envolvem essa junta2.



Apesar de danos na cartilagem especificamente não provocarem dor, os ossos - que antes estavam revestidos por ela - têm terminações nervosas. O mesmo vale para os músculos, tendões e ligamentos, então é por esse motivo que quem tem artrose acaba sofrendo com dores, pois essas estruturas também acabam sendo afetadas2.



A doença é considerada multifatorial, ou seja, tem mais de uma causa1. Mas, os fatores de risco ligados ao desenvolvimento de artrose são: idade avançada, sexo feminino, fatores anatômicos, fraqueza muscular e lesões na junta provocadas por atividades esportivas ou fatores ocupacionais, já que alguns tipos de atividades podem desgastar as juntas mais rapidamente3.



Embora muitos pensem que a obesidade causa artrose, não é verdade. Porém, o excesso de peso corporal está, sim, ligado ao aumento de risco da doença - ou ao aumento da gravidade dela, caso a pessoa já tenha artrose2,3.



Sintomas da artrose



Há diversos sintomas de artrose, mas as manifestações podem ser diferentes conforme o lugar em que ela se manifesta. Em termos gerais, é possível dizer que eles incluem1:



  • dor crônica
  • instabilidade articular
  • rigidez
  • redução do espaço articular


Porém, há uma parcela de pessoas que têm artrose, mas não apresentam sintomas, ou, quando apresentam, eles são brandos. A dor, no entanto, normalmente está ligada ao esforço físico, como a prática de atividades esportivas e até mesmo a uma caminhada leve2.



Os sintomas de artrose na coluna, chamada popularmente de “bicos-de-papagaio”, podem acontecer com mais frequência na região lombar e cervical, justamente onde há mais mobilidade da coluna2.



Já a artrose no joelho provoca dores intensas e estalos nas juntas, além de inchaço e eventualmente deformidades, o que leva a uma dificuldade de locomoção2.



Nas mãos, a artrose promove alterações nas articulações dos dedos, formando nódulos que podem ser muito dolorosos ao mínimo impacto. A dor pode ser mais intensa pela manhã, logo após o despertar, e com o tempo podem acontecer inchaços e deformidades nos dedos2.



No quadril, a artrose pode ter avanço rápido, o que em determinadas situações exige uma cirurgia para colocação de prótese no quadril2.



Diagnóstico da artrose



O diagnóstico da artrose é clínico, sendo que o médico mais indicado para identificar o problema é o reumatologista. A confirmação se dá a partir da conversa com o paciente, que vai relatar os sintomas que vêm sentindo ao longo dos meses. Dor nas articulações especialmente em decorrência de esforços físicos, deformidades e inchaço nas juntas são fatos que o médico deve ser informado2.



O médico poderá requerer exames de imagem para confirmar a suspeita de artrose, como a radiografia. Em determinados casos, o especialista também poderá solicitar exames de ressonância magnética e de tomografia computadorizada2.



Tratamento para artrose



Alguma das dúvidas de quem tem a doença é se a artrose tem cura e se há remédio para artrose. Porém, esta é uma doença que não tem cura, mas há tratamento que pode ajudar a impedir a progressão da doença e aliviar os sintomas provocados por ela, melhorando a qualidade de vida de quem tem a condição2. Mas somente um médico poderá indicar o melhor tratamento de forma individualizada.



O tratamento para artrose, portanto, deve seguir também mudanças de estilo de vida, já que a obesidade, por exemplo, pode agravar os sintomas. Logo, é preciso modificar alguns hábitos para se manter dentro do peso correto para a altura e idade, de forma a não aumentar a chance de sintomas ou não favorecer a progressão da doença2,3.



Como medidas não medicamentosas, os exercícios físicos regulares são fundamentais. Os melhores nesse caso são aqueles praticados dentro da água, como hidroginástica e natação. É possível também inserir na rotina outras atividades, como pilates, alongamento, musculação, e outras alternativas aeróbicas, mas é sempre importante conversar com o médico antes para que ele possa orientar qual é o mais indicado e a melhor forma de execução2.



Já para as medidas que fazem uso de medicamentos, é preciso também ter orientação médico. O especialista pode indicar o alívio dos sintomas por meio de analgésicos e anti-inflamatórios tópicos ou orais3. A analgesia permite que a pessoa consiga praticar atividades físicas direcionadas, o que ajuda no tratamento como um todo2.



Outra forma de tratar é através de infiltrações intra-articulares com corticoides, que promove a redução da inflamação. Ou com outro tipo de infiltração, conhecida por viscossuplementação também pode ser indicada em alguns casos pelo médico, em que uma substância semelhante ao ácido hialurônico é infiltrada nas juntas, o que ajuda a minimizar os sintomas2,3.



Há ainda os chamados condroprotetores, também sempre indicados por um médico. São medicamentos usados via oral que ajudam a lentificar a progressão da artrose2.



A cirurgia de colocação de prótese de quadril também pode ser indicada em determinados casos, e melhora a qualidade de vida de quem tem artrose no quadril e é elegível a essa intervenção. Mas lembre-se: apenas um médico poderá avaliar todos os pontos e propor o mesmo tratamento2.



Referências:

1 - Chen D, Shen J, Zhao W, et al. Osteoarthritis: toward a comprehensive understanding of pathological mechanism. Bone Research. 2017; 5: 16044. doi: 10.1038/boneres.2016.44.

2- Sociedade Brasileira de Reumatologia. Osteoartrite (Artrose). Cartilha para pacientes. Disponível em: https://www.reumatologia.org.br/download/osteoartrite/ Acesso em 22 de julho de 2020.

3 - Sen R, Hurley JA. Osteoarthritis. StatPearls Publishing. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK482326/. Acesso em 22 de julho de 2020.

Produtos

Mobility OS-CAL D 1.000
Manutenção Óssea
Comprar:
Comprar Os-cal D 1000 na Drogaraia
Comprar Os-cal D 1000 na Drogasil
OS-CAL 500
Manutenção Óssea
Comprar:
Comprar OS-CAL 500 na Drogaraia
Comprar OS-CAL 500 na Drogasil
OS-CAL D 400
Manutenção Óssea
Comprar:
Comprar OS-CAL® D na Drogaraia
Comprar OS-CAL® D na Drogasil
Mobility OS-CAL CIT
Manutenção Óssea
Comprar:
Comprar OS-CAL® CIT na Drogaraia
Comprar OS-CAL® CIT na Drogasil
Mobility Artiflex
Nutrição Articular
Comprar:
Comprar Artiflex na Drogaraia
Comprar Artiflex na Drogasil